segunda-feira, 12 de março de 2012

A ALEGRIA DO SENHOR É NOSSA FORÇA


"Disse-lhes mais: Ide, comei as gorduras, e bebei as doçuras, e enviai porções aos que não têm nada preparado para si; porque este dia é consagrado ao nosso Senhor.
Portanto não vos entristeçais, pois a alegria do Senhor é a vossa força." (Ne 8:10)
Alegrar alguém as vezes pode se tornar uma arte. Ou uma batalha campal. Precisamos conhecer a quem queremos agradar, e não basta saber do que gosta, mas também do que não gosta.
Sempre cito um exemplo: eu gosto muito de sorvete, e para me agradar me deram uma lata de 2 litros. De morango. Odeio sorvete de morango... Não bastou saber do que gosto, precisavam saber também do que não gosto.
Com o Senhor não é diferente: para alegrá-lo devemos ir a fundo no conhecimento do que gosta e do que não gosta. Para termos a força que vem da Sua alegria, precisamos alegrá-lo.
Agora veja que não é um ato isolado, pois o texto diz para celebrar e compartilhar com os que têm falta, festejar e não se entristecer. E veja lá no capítulo que o contexto era de muita luta e dificuldade, em um momento histórico sério.
Para nós hoje é muito mais fácil, pois temos Jesus, temos o Espírito Santo conosco, temos a Bíblia completa, temos a igreja local, temos a profecia e temos as traduções. Tudo disponível de mão beijada para nosso uso.
Em contrapartida temos o mundão, a Internet, a televisão, o futebol, o motel, a cerveja, e mais um punhado enorme de coisas que tomam e desviam nossa atenção da Palavra de Deus.
Cabe a nós, no nosso tempo, alegrar o Senhor, fazendo o que ele gosta e evitando o que ele não gosta, para ter esta força que vem da Sua alegria, em meio a um mundo complicado e a uma vida cada vez mais corrida.
Oração: "Senhor, quero te alegrar e ter a força que vem da Tua alegria."