segunda-feira, 12 de março de 2012

ANALISANDO AS DOUTRINAS ESPÍRITAS, À LUZ DA BÍBLIA


Vamos agora alimentar as nossas mentes, com o que tem de melhor para ela que é o estudo da Palavra de Deus, voltado exclusivamente para desfazer as obras enganadoras e mentiras de Satanás, através do espiritismo, nas suas mais variadas formas. Que o Espírito Santo ilumine as nossas mentes, e nos faça lembrar destas passagens quando delas precisarmos, para salvar vidas do inferno.
É bom dizer que os espíritas não valorizam a Bíblia com palavra de Deus, interpretam algumas passagens para fundamentar suas doutrinas, ou para confundir os crentes, portanto caso apresentarmos respostas bíblicas que vão de encontro as suas convicções, desprezam a Bíblia, ficando com seus enganos e distorções.

1 - Possibilidade de comunicação com os mortos
- Não há base bíblica. É amplamente condenável.
- Dizem que a proibição de Deus, é prova que existia.
- É mentira, pois, mostrava que existia a consulta, mas não a resposta.
Vejamos:
- Deuteronômio 18:9-14 - "Nem quem consulte os mortos"
- Isaías 08:19,20 - "Consultar somente a Deus"
- Levíticos 19:31 - "Adivinhadores não busqueis"
- Levíticos 20:06 - "Extirparei do meio do povo"
- Êxodo 22:18 - "A feiticeira não deixaram viver"
- Dizem que provam a comunicação, citando a consulta que Saul fez a Pitonisa de Endor. 1 Samuel 28:8-19.

Vejamos a farsa
1.1 - Saul estava c/ medo dos Filisteus, procurou-a para saber se venceria a guerra.
1.2 - Ele foi disfarçado: tinha perdido a graça de Deus.
1.3 - A pitonisa declarou ter visto um vulto de ancião.
1.4 - Saul que entendeu ser Samuel (sua mente estava confusa).
1.5 - Deus não quebraria uma regra espiritual sua, para satisfazer a ninguém. (Tiago 1:17)
1.6 - Se Deus permitiu, porque matou Saul, conforme 1 Crônicas 10:13.

2 - Reencarnação:
- Para eles é uma necessidade para o aperfeiçoamento do espírito, já que não acreditam na salvação como ensina a Bíblia.
- Não existe sustentação quando examinada à luz da Bíblia, vejamos:
"Hebreus 9:27: morrer uma vez"
- Tentam provar a reencarnação através de:
"Mateus 11:10-14: Aqui encontramos o cumprimento da profecia contida em Malaquias 4:5: João não era Elias reencarnado e nem ressurreto, se temos dúvidas, ele mesmo responde em João 1:21 "não sou": A profecia falava do nascimento de um homem com as mesmas características e semelhantes a Elias.

3 - Salvação através das boas obras
- Não há base na Bíblia para tal ensino, muito antes pelo contrário, vejamos:
- João 1:12 "...Receberam... aos que crêem"
- João 3:16,18 "Deus amou...deu...vida eterna..."
- João 5:24 / 6:42 "Tem a vida eterna..."
- Atos 16:31 "Será salvo..."
- Efésios 2:8,9 "Pela graça sois salvos..."
- Romanos 3:10-12, 23-28

4 - Existência de vários mundos, para habitação dos espíritos em vários estágios de evolução.
- Usam João 14:2 "Na casa...há...muitas moradas..."
Interpretam errado, pois muitas casas aqui significa que o reino é grande o suficiente para guardar a todos, isto é tão real que Jesus levou o ladrão da Cruz para lá, no mesmo dia, desfazendo a crença de espíritos mais evoluídos pois Jesus e o ladrão da cruz estão juntos, e, segundo eles Jesus teria que ir para outro mundo.

5 - Deus existe, mas está longe demais, e só se pode manifestar por meio de "intermediários", que são os espíritos-guias.
- Pura mentira, vejamos:
- Deus sempre se preocupou com o homem: Hebreus 1:1
- Deus habitou entre nós - João 1:14
- Deus está sempre perto - Apocalipse 3:20
- Deus mora em nós - João 14:23

6 - Jesus é considerado com um espírito em alto grau de desenvolvimento, o mais evoluído que veio a terra.
Ele é mais do que isto, vejamos:
- Jesus é o Verbo encarnado: João 1:1-14
- Ele se fez carne
- Ele é o Filho de Deus: João 16:15-17
- Ele desceu do céu: João 6:38
- Ele é Senhor e Rei de todo o universo - Mateus 1:23

7 - Julgam ser o espiritismo a terceira revelação, assumindo o lugar do Espírito Santo.
Isto é blasfêmia, vejamos:
- O Espírito Santo é uma pessoa não um movimento:
- Ele intercede - Romanos 8:26
- Ele convence - João 16:8
- Ele fala - Atos 8:29; 10:19
- Ele tem vontade - Atos 16:6
- Ele ensina - João 14:26
- Ele é Deus: está presente na Trindade: Mateus 28:19
- Na benção apostólica: 2Co 13:13

8 - Crença que devem fazer orações pelos mortos.
- Semelhante aos católicos, que acreditam livrar almas do purgatório, já os espíritas acham que existe um estado chamado "erraticidade", onde o espírito fica vagando até reencarnar, após a morte do corpo, nisto sofrem e precisam das orações para conforto.
- Não há base bíblica para nenhum dos dois pensamentos, vejamos:
- Hebreus 9:27 - "Morrer uma só vez..."
- João 3:18,19
- Lucas 16:19-31 - Lázaro.
Destas passagens, percebemos que é impossível melhorar a situação de qualquer pessoas após a morte.

Considerações finais:
- Negam a existência do Céu: - Provas Bíblicas: Lucas 23:43; Mateus 5:12; João 3:12 e 13; Filipenses 3:20; Colossenses 1:05.
- Negam a existência do Inferno: Provas Bíblicas: Mateus 5:29 e 30; Mateus 10:28; 2 Pedro 2:04; Mateus 25:31-46.
- Negam a existência do Diabo: Provas Bíblicas: Mateus 25:41. Apocalipse 20:10; Mateus 4:1; Efésios 4:27; Tiago 4:7.
- Negam a existência de Demônios: - Provas Bíblicas: Apocalipse 12:9; Mateus 25:41; Dt 17:7; Salmos 106:37.
- Negam a existência da Trindade:
Não acreditam, pois, julgam que Deus é único, indivisível e pai de todos no universo.
Provas Bíblicas: João 16:26; 1 Pedro 1:2.
- Negam a existência dos Anjos:
Crêem que são almas evoluídas

Vejamos o que diz a Bíblia:
Provas Bíblicas: Mateus 24:1; 1 Coríntios 6:2,3
- Negam a existência do Pecado:
Segundo os Espíritas o homem nunca caiu:
Seu caminho bom ou mal é ordenado por Deus;
Aquilo que se faz aqui, se paga aqui mesmo;
Portanto não há necessidade de um Salvador.

"Tudo é mentira, vejamos"
Romanos 5:12; Romanos 6:23; 1 João 2:1-3.