segunda-feira, 16 de abril de 2012

A PEDAGOGIA DA ESCOLA DO GETSÊMANI



INTRODUÇÃO: Marcos 14:32-36
1. Getsêmani significa “lugar de azeite” ou “prensa de azeite” – As azeitonas eram prensadas e esmagas para produzir o puro azeite de oliva.
2. Getsêmani é um jardim localizado logo à saída da cidade de Jerusalém, no sopé do monte das Oliveiras (plantação de azeitonas).
3. Getsêmani era um lugar freqüentado por Jesus, onde ocorreu a cena de Sua agonia. Esse lugar passa a ser pedagógico, pois ali onde as azeitonas eram esmagadas para produzir azeite, Jesus foi esmagado para produzir vida. Destacamos algumas lições práticas que apontam à vitória nas esmagadoras provações que enfrentamos por servir a Deus.

I. O GETSÊMANI ENSINA A IMPORTÂNCIA DA ORAÇÃO NO RELACIONAMENTO COM DEUS – Marcos 14:32
1.   Ao decidir fazer a vontade de Deus neste mundo é comum se deparar com pressões contrárias. Até mesmo Jesus enfrentou tais provações!
2.   Ao fazer a vontade de Deus podemos ser esmagados pelas circunstâncias opostas aos princípios da Palavra de Deus; porém, se os passos de Jesus forem seguidos, a vitória é garantida!
3.   Ao desejar fazer a vontade de Deus, a oração é o primeiro passo para a vitória em meio às correntezas filosóficas contrárias ao cristianismo. Somente a oração nos coloca em contato com o Pai a fim de buscar poder para obedecer e vencer.

II. O GETSÊMANI ENSINA QUE UM RELACIONAMENTO SIGNIFICATIVO COM DEUS É ESSESCIAL NA LUTA CONTRA QUALQUER TENTAÇÃO – Marcos 14:33-36
1.  Ao ser pressionado pelo mal, aprenda com Jesus a priorizar a vontade de Deus. Diga em oração: “Não seja o que eu quero, e sim o que Tu queres”.
2.  Ao ser pressionado pelas tentações de desviar dos princípios bíblicos, aproxime-se mais de Deus, confie que Ele está no controle de tudo. Ele esteve com Jesus no Getsêmani, Ele estará com você quando estiveres no Getsêmani espiritual.
3.  Ao ser pressionado a desistir da fé, confie em Deus e vença como Jesus; pois quando a vontade de Deus prevalece, certamente a vitória também prevalece.

III. O GETSÊMANI ENSINA A RENUNCIAR AO EU E ACEITAR O PLANO DE DEUS MESMO QUE O CÁLICE FOR AMARGO – Marcos 14:35-36
1. Jesus é o mestre por excelência em todas as coisas, inclusive na renúncia da vontade própria.
2. Jesus não era pecador e mesmo assim precisou renunciar a própria vontade; quanto mais nós pecadores com gostos e vontades pervertidos precisamos lutar como Jesus.
3. Jesus experimentou o cálice amargo no Getsêmani para conceder-nos a vitória sobre o pecado. Ele nos ensinou que a vitória depende de Deus e não de nós mesmos.

IV. O GETSÊMANI ENSINA QUE NA APARENTE INCERTEZA DA SITUAÇÃO É NECESSÁRIO DEPENDER DA FÉ – Marcos 14:36
1.  No Getsêmani Jesus confiou no poder e vontade do Pai Celestial e não em suas próprias forças ou habilidades.
2. No Getsêmani Jesus deixou claro que o justo viverá pela fé, independente das circunstâncias.
3. No Getsêmani Jesus demonstrou que confiar plenamente em Deus conduz à verdadeira vitória sobre as mais adversas tentações, provações e desafios da caminhada rumo ao Céu.

CONCLUSÃO:
1.  É importante entender que o texto não está falado de vitória sobre as conseqüências de nosso pecado ou de problemas causados pela nossa irresponsabilidade e ignorância.
2. É importante entender que o texto se refere às pressões de se viver a verdadeira fé nos nobres princípios estabelecidos por Deus em Sua Palavra.
3. É importante entender que a vitória só é verdadeira quando desde o começo há uma dependência de Deus e não apenas quando surge o problema. Jesus enfrentou provações por cumprir a vontade de Deus. E, Ele venceu porque não desistiu do plano de Deus!

APELO:
1. Comece agora a exercitar no teu dia a dia à vontade, o plano e o poder de Deus para a tua vida.
2. Comece agora a exercitar fé praticando a vontade de Deus descrita na Bíblia; assim quando vier oposição terás uma fé robusta para enfrentar com confiança qualquer desafio.
3. Comece agora a exercitar os passos ensinados por Jesus no Jardim do Getsêmani a fim de que venças e sejas recebido um dia no Céu como foi Jesus.