segunda-feira, 16 de abril de 2012

PLANO PARA REVOLUCIONAR A FAMÍLIA MODERNA



INTRODUÇÃO: Texto bíblico principal: Colossenses 3:18-21
1. A família é uma instituição sagrada: Esta instituição que surgiu no coração de Deus está em crise, a ponto de extinguir-se nos dias atuais.
2. A família foi estruturada por Deus desde o princípio de sua formação (Gênesis 1:28): Tal padrão estrutural está desaparecendo na sociedade do século XXI, mas não deixa de ser padrão.
· Pai – seu papel é prover sustentação e amor à esposa e filhos;
· Mãe – seu papel é prover cuidado e amar ao esposo e filhos;
· Filho – seu papel é prover respeito e amor aos seus pais.
3. A família foi instituída por Deus para ser bênção, mas em muitos lugares e para muitas pessoas está sendo uma maldição: Muitos filhos sofrem de traumas de infância por causa de sua família, muitos membros da família precisam de tratamentos psicológicos e psiquiátricos devido ao terrível ambiente familiar.
O texto bíblico supracitado norteia a família com princípios que ao serem seguidos ver-se-á uma transformação radical na família! Veremos quatro pontos importantes:
·  A atitude da esposa para com o esposo.
·  A atitude do marido para com a esposa.
·  A atitude dos filhos para com os pais.
· A atitude dos pais para com os filhos.

I.   A ATITUDE DA ESPOSA PARA COM O ESPOSO DEVE SER DE SUBMISSÃO – Colossenses 3:18
1. O papel da esposa na família não é inferior ou menos importante que o do marido: Por ser tão importante quanto do esposo, a esposa jamais deveria competir com o marido, mas estar ao lado dele para juntos desenvolver sua missão (Gênesis 2:18, 20-23).
2. O papel da esposa no lar é ajudar o marido a cumprir a missão pelo qual Deus o criou: Deus pediu para o homem administrar, cuidar e preservar a Sua maravilhosa criação – o ambiente; e, a educação dos filhos – a família. A mulher deve estar junto com ele neste projeto (Gênesis 1:26-28).
3. O papel da esposa é estar unida em harmonia com o papel do marido: Esse é o ideal de Deus quando fala de submissão. A missão da mulher é uma “sub-missão”, ou seja, exercer uma missão sob a missão de outrem.

II. A ATITUDE DO MARIDO PARA COM A ESPOSA DEVE SER DE AMOR – Colossenses 3:19
1. O papel do marido na família é amar intensamente sua esposa: Se a mulher é desafiada a ser submissa ao marido, o marido é desafiado a amar sua esposa. Amar é entregar-se completamente a alguém, um significado muito próximo à submissão. Assim, ambos se entregam por amor um ao outro “tornando-se uma só carne” (Gênesis 2:23-24).
2. O papel do marido no lar é cuidar com amor de sua auxiliadora:Com amor o marido cuida de sua esposa, provê recursos a fim de que ela cumpra seu papel, fortalece-a no aspecto físico, moral, emocional, sexual e espiritual. Trata-a com respeito, dignidade e delicadeza, pois ela foi feita por Deus para completá-lo e ajudá-lo na administração do ambiente e vida familiar.
3. O papel do marido é alegrar a vida de sua esposa: O Deus que criou a mulher para o homem pede a ele que não a trate com amargura, grosseria e ignorância. Deus não deseja que o marido seja frio, indiferente e crítico em relação a sua esposa, mas que lhe dedique tempo, seja carinhoso, um companheiro sensível às necessidades dela. Assim, o lar precisa estar cheio de amor e ternura para receber os filhos!

III. A ATITUDE DOS FILHOS PARA COM OS PAIS DEVE SER DE OBEDIÊNCIA – Colossenses 3:20
1. O papel dos filhos na família é de submissão pela obediência: A obediência em tudo aos pais é o alvo de Deus aos filhos.
2. O papel dos filhos no lar é tão importante que Deus se alegra quando ele é cumprido: Deus preza tanto pela obediência dos filhos aos pais que incluiu um mandamento entre os dez sobre esse assunto (Êxodo 20:12).
3. O papel dos filhos é o de respeitar aqueles que se esforçam pelo seu desenvolvimento: O cuidado dos pais deve ser valorizado, respeitado e reconhecido através da obediência dos filhos. Filhos que assim fizerem serão abençoados por Deus com vida longa e sucesso (Êxodo 20:12).

IV. A ATITUDE DOS PAIS PARA COM OS FILHOS DEVE SER DE INCENTIVO – Colossenses 3:21
1. O papel dos pais na família é tão importante quanto o papel dos filhos: Não são os filhos que tem um alvo a alcançar, os pais também. Se os pais não alcançam seus alvos, os filhos também não alcançarão os seus. Os pais que ignoram seu papel criarão filhos desobedientes, desanimados e despreparados para a vida.
2. O papel dos pais no lar é educar seus filhos com amor, não apenas observá-los em seu crescimento: A disciplina com amor gera filhos felizes, obedientes e animados (dispostos a ajudar os pais em sua missão familiar). Ser rigorosos ou negligentes na educação revela aos filhos falta de amor tornando-os irritados, nervosos e desequilibrados.
3. O papel dos pais é incentivar seus filhos a serem homens e mulheres de respeito na sociedade: Deus pede que os pais não irritem os filhos. Os pais irritam seus filhos quando negligenciam seus papéis designados por Deus na família; quando brigam, criticam e gritam uns com os outros; e, quando desrespeitam, desprezam e agride uns aos outros com palavras e atitudes.

CONCLUSÃO:
1. Toda a família deve viver o amor e preservar a unidade e a estrutura familiar instituída por Deus. Pois este é o início de uma revolução familiar baseada no extraordinário plano de Deus.
2. Toda a família deve criar um ambiente de respeito e companheirismo no lar. Pois o plano de Deus para revolucionar a família tem a ver com esses ingredientes.
3. Toda a família tem direitos e deveres que ao serem cumpridos gera harmonia e paz entre os seus membros. Pois o plano de Deus para revolucionar a família tem a ver com cada membro cumprindo seus deveres e tendo seus direitos.
4. Toda a família precisa entender que: Quem não vive para servir, não serve para viver. Pois o plano de Deus para revolucionar a família tem a ver com serviço. A esposa serve o marido através da submissão e o marido serve a esposa com amor; os filhos servem aos pais através da obediência e os pais servem aos filhos dando-lhes uma excelente, sábia e nobre educação.

APELO DE DEUS A CADA MEMBRO DA FAMÍLIA:
1. “ESPOSAS, sede submissas ao próprio marido, como convém ao Senhor”.
2. “MARIDOS, amai vossa esposa e não a trateis com amargura”.
3. “FILHOS, em tudo obedeceis a vossos pais, pois fazê-lo é grato diante do Senhor”.
4. “PAIS, não irriteis os vossos filhos, para que não fiquem desanimados”.