segunda-feira, 4 de junho de 2012

A QUINTA PALAVRA.



A QUINTA PALAVRA

O texto para a mensagem de hoje está no Evangelho segundo São João 19:28 e 29: "Depois, vendo Jesus que tudo já estava consumado, para se cumprir a Escritura, disse: Tenho sede! Estava ali um vaso cheio de vinagre. Embeberam de vinagre uma esponja e, fixando-a num caniço de hissope, lhe chegaram à boca."

Lá na cruz podemos vê-Lo orando pelos Seus inimigos, prometendo vida ao pecador penitente, fazendo provisão para o futuro de Sua mãe e clamando ao Pai em meio às sombras do abandono.
No texto bíblico acima, percebemos que Ele não tem muito tempo mais de vida. As sombras que envolviam o Calvário desapareceram e a luz do sol começa a brilhar novamente. De repente ouvimos Seu lamento:
"Tenho sede" e os soldados colocam um pouco de vinagre em Seus lábios.
Por que você acha que o Deus Todo-Poderoso, Criador dos Céus e da Terra e de todas as fontes das águas, pede de beber à pobre criatura humana? O que há por trás desse clamor?

É preciso entender primeiro que a morte de cruz era uma morte maldosa, cruel e sanguinária, preparada para os piores marginais. E quando falo de marginais, por favor, não pensem nos outros. Hoje eu peço que Deus me ajude a enxergar-me a mim mesmo, porque eu merecia morrer naquela cruz. A Bíblia é bem clara em dizer que "o salário do pecado é a morte". Quem peca, merece morrer.
Não se trata somente do que fiz, mas também do que não fiz. Por tudo isso, quem merecia morrer na cruz do Calvário, era eu, não Jesus. Mas Ele nos amou tanto que deixou Sua glória celeste e veio a este mundo ocupar o nosso lugar e morrer por cada um de nós!!!.
Por que, você crê que o Deus do Universo, Criador de todas as fontes, morre numa cruz miserável, suplicando por um pouco de água? Aqui está escrito com sangue o maravilhoso amor de Deus pela raça humana. Para entender isto, é preciso saber que o que Deus mais quer é viver em comunhão com o ser humano. Mas o homem sempre viveu fugindo e escondendo-se da presença de seu Criador. Assim foi desde o Éden. Quando Deus chegou ao jardim àquela tarde, o que mais doeu em Seu coração, não foi o fato de ver um fruto comido. O que partiu Seu coração foi o fato de que seu filho não corria mais aos Seus braços como das outras vezes.
O filho querido agora tinha medo do Pai e se escondia.

O inimigo de Deus, de alguma maneira quer colocar na mente dos homens a idéia de que Deus é mau, castigador e vingativo; de que Deus está sentado em Seu trono com uma vara na mão, olhando para a terra, para ver quem é que se porta mal para castigá-lo. Dessa maneira, você começa a ficar com medo de Deus e passa a servi-Lo por temor. E pensa assim: "Se eu não me portar bem, Deus me castiga. Se eu não me portar bem, Ele vai levar meus negócios à falência, ou, meu filho pode sofrer um acidente. Então, tenho que me portar bem".
E a gargalhada de satanás é ouvida no Universo inteiro porque se ele não puder levar você a viver uma vida completamente errada e distante de Deus, vai fazê-lo servir a Deus por medo, porque para o diabo viver longe de Deus, ou servi-Lo por medo é a mesma coisa. Por isso, desde o Éden ele colocou medo no ser humano. "Pequei, falhei, desobedeci, comi o fruto que Deus disse que era pra não comer, então tenho que me esconder para que Deus não me mate". E Adão e Eva se esconderam.
Deus não pode suportar que Seus filhos vivam longe dEle. Ele nos criou para viver uma vida maravilhosa de comunhão com Ele. Não pode suportar que Seus filhos corram dEle apavorados. Mas o que acontece? O inimigo colocou o medo na mente humana. O Pai vem, e o filho foge. O Criador se apresenta, e a criatura se esconde.   

O Pai quer abraçar, e o filho entra em pânico. O que fazer então para que o Deus eterno possa viver novamente em comunhão com o ser humano? É preciso que Deus se faça homem para alcançar o homem porque como Deus, não pode; o ser humano não quer, não aceita, tem medo, se esconde, foge. E aí vem o amor maravilhoso de Deus. Na pessoa de Jesus Cristo, Deus torna-Se homem como você e eu para alcançar-nos, para que nunca tenhamos a desculpa para dizer que Deus não pode nos compreender porque Ele é divino e nós somos humanos.


Quando Jesus exclamou na cruz do Calvário: "Tenho sede", estava expressando a Sua humanidade plena.          Aí podemos ver Deus feito homem, plenamente homem ao ponto de ter sede.
Deus se fez homem e na cruz do Calvário sentiu-Se abandonado por Seus melhores amigos e traído pelos seres que mais amava. Então hoje Ele pode dizer: Quando você se sente rejeitado, abandonado e sozinho no mundo, Eu o compreendo porque me fiz homem para entender você". Quando você se sente injustiçado, ou condenado injustamente, Ele o olha e diz: "Eu o compreendo, olhe-Me pregado nesta cruz. Que mal Eu fiz? Mas estou aqui injustamente para que você nunca diga que Eu não sou capaz de compreendê-lo quando as pessoas cometem injustiça com você". As pessoas que eu vim morrer, estão gritando crucifica-o!!! Mas Eu os amo!!

Ás vezes nos sentimos incompreendidos. Jesus Se fez homem para poder alcançar você, para poder entendê-lo. Pregado na cruz Ele soube o que era a dor física e emocional. Você não tem o direito de pensar que Deus se esqueceu de você, porque Ele se fez homem e na cruz soube o que é a dor física, o que é ter sede e ser caçoado. Já cuspiram em seu rosto? Cuspiram no de Jesus. Já cravaram uma coroa de espinhos em sua fronte? Fizeram isso com Jesus. Por que Ele não entenderia você? Por que não poderia entender a luta terrível que você está tendo em seu coração neste momento?

Quando Jesus disse: "Tenho sede", estava revelando Sua humanidade. Fez-Se homem para alcançar-nos.
Por quê? Às vezes olho para cima e penso: Meu Deus, quanto eu valho? Quanto eu significo para Ti, que deixaste tudo e vieste a este mundo? Que coisa há dentro de mim que valha tanto? E Jesus diz: O que sei é que você é a coisa mais importante desta vida".
Um dia, Jesus foi a uma cidade chamada Samaria para procurar uma prostituta. A Bíblia nem sequer dá o nome desta mulher, simplesmente a chama de mulher samaritana. O texto Bíblico diz que Jesus assentou-se perto do poço, cansado da viagem para esperar aquela mulher. Deus não se cansa nem se fatiga. Por que Jesus se cansou? Ele se fez homem para alcançar o ser humano. A que ser humano? A uma senhora ilustre da sociedade? A uma Madre Tereza de Calcutá? Ou um Betinho?
Se fosse para esperar um ser humano tão maravilhoso como estes que acabo de mencionar, até que daria para entender, mas sabe, Jesus Se fez homem e Se cansou, para esperar uma prostituta, uma mulher que não tinha respeito pelo seu próprio corpo, e na perspectiva humana, não tinha muito valor.

Agora me diga uma coisa: Será que você tem o direito de pensar que para você não há saída? Se Jesus deixou tudo para se cansar, ter sede e morrer como um marginal, pregado na cruz, o teria feito se você não valesse a pena? Acha que tem o direito de pensar que Deus não o ama porque você tem um pecado do qual não pode se libertar?

Jesus deixou tudo e veio morrer neste mundo porque você é importante. Do jeito que você é, com esse caráter horrível que você tem, com esse temperamento mau que você carrega, com esse egoísmo, próprio da humanidade, com os sentimentos que o perturbam, com os complexos que o atormentam.

Outro ponto importante é que a morte de Cristo na cruz não deve encher nosso coração de tristeza, mas de esperança. Sabe por quê? Porque o clamor "Tenho sede" não foi somente o grito da necessidade humana de Cristo, mas também foi o grito da vitória.
Um atleta que participa de uma corrida e que está com os olhos fixos na meta, não se lembra da dor nem da sede. Somente quando atinge seu objetivo é que as necessidades físicas passam a ter importância. O atleta só bebe um copo de água quando chega ao alvo. Na cruz do Calvário, Jesus tinha uma meta: salvar o ser humano.         E Jesus superou a dor, a fome e a sede. Superou tudo para conquistar a meta. O fato de Jesus lembrar-Se que estava com sede, me diz uma coisa: Jesus tinha completado a Sua missão.

Quando Ele disse "Tenho sede", queria dizer, "já fiz tudo o que era preciso para salvar o homem. Consegui meu objetivo, alcancei a meta. Agora dê-me água, porque cheguei ao alvo, terminei o que tinha de ser terminado". Sabe o que quer dizer isso? Que a sua vitória já está garantida; que a sua salvação é um fato concreto; que seus erros passados já foram pagos na cruz do Calvário; que o inimigo não tem mais o direito de atormentá-lo por causa de sua vida passada. Sabe o que quer dizer isso? Que a próxima vez que o inimigo, através de sua consciência, quiser atormentá-lo, você tem todo o direito de dizer: "Você não tem mais motivo para me atormentar porque, é verdade, pequei, mereço a morte; mas a dívida da minha culpa foi paga na cruz". Ninguém hoje tem o direito de ficar aí triste, pensando que não há solução.
Conheço lares completamente desfeitos, filhos para um lado, pais para outro, esposa e esposo numa guerra de nervos, mas que um dia o evangelho os alcançou e então caíram aos pés da cruz e hoje poderia apresentá-los unidos no amor maravilhoso de Jesus.
Não conheço uma pessoa que tenha ido a Jesus levando sua vida como estava e que tivesse voltado desapontada, porque quando Jesus disse "Tenho sede", estava dizendo que tudo o que era necessário fazer para salvar o ser humano, já estava feito. Agora é só uma questão de decidir.
Olhe para montanha e veja o Deus eterno, morrendo por você. Olhe Seu rosto cansado e sangrando. Mas olhe o brilho de Seus olhos. Ele acredita em você. Ele o espera com os braços abertos em forma de cruz. Por que não abrir o coração e dizer: "Senhor, Te aceito como meu Deus, o meu Salvador e Rei".

Oração
Pai querido, às vezes é muito difícil entender Teu amor. Mas o que seria de nós se não tivesses nos amado ao ponto de fazer-Te homem na pessoa de Jesus para poder alcançar-nos? Por favor, Te suplico neste momento por tanta gente que sofre, que passa noites sem dormir, que se sente sem forças para seguir lutando. Toma-os em Teus braços de amor e abençoa-os, em nome de Jesus. Amém.